Tudo o de mais importante que você precisa saber sobre essas duas peças do seu veículo

alinhamento , balanceamento , pneus

Crédito da imagem: Tookapic/Pexels

Uma verificação de pneus e rodas do seu Celta Chevrolet deve fazer parte de sua rotina, pois uma inspeção básica pode melhorar a sua segurança e até mesmo ajudar a aumentar a sua economia de combustível. Dentro desse tópico, saiba mais a seguir sobre pneus carecas, balanceamento e outros cuidados que as rodas devem receber.

 

Balanceamento

Você já sentiu uma vibração estranha vinda do volante quando está trafegando pela estrada com o seu veículo, ou por acaso já sentiu o carro tremer enquanto aumenta a velocidade?

Antes de colocar o seu Corsa à venda por achar que o problema está dentro do carro, pense conosco. Talvez esses efeitos estejam sendo causados pelos pneus (isso mesmo, os pneus), que podem ter se desgastado mais rápido do que o normal.

Se assim for, você pode estar vendo os resultados de rodas desequilibradas, o que pode te proporcionar passeios desconfortáveis como o que citamos no parágrafo anterior e até causar alguns efeitos colaterais perigosos e caros que, inclusive, nem poderão te dar a chance de colocar o seu Corsa à venda no futuro.

Para entender melhor esse problema, é interessante saber que, entre os seus pneus e rodas, há uma faixa de pesos que se alinha no interior, parte essa que geralmente passa despercebida pelo motorista comum.

Durante a vida de suas rodas, esses pesos que são inicialmente distribuídos uniformemente ao redor da circunferência delas começarão a mudar, o que causa um desequilíbrio.

 

Este desequilíbrio poderia ser ao longo do plano horizontal da roda, o que causaria vibração lado a lado, ou poderia ser concentrado em certos pontos (muito pesados ​​ou muito leves) do pneu, fazendo com que a rotação para a frente seja turbulenta.

Isso pode levar a um rebaixamento na tração e/ou deslocamento, bem como um desgaste acelerado do pneu quando em contato com o asfalto, o que pode fazer com que você tenha que comprar pneus novos mais cedo do que o esperado.

Embora seja possível equilibrar as suas rodas por conta própria, é muito mais eficiente levar o seu carro para uma oficina com equipamento e maquinaria profissional.

 

Lá, o mecânico irá remover as rodas do seu carro. Uma por uma, ele vai fixá-las com segurança em uma máquina de balancear que gira rapidamente para medir onde estão os desequilíbrios.

Uma vez que a máquina seja capaz de ler onde o peso precisa ser distribuído, o mecânico irá então substituir os pesos no interior da roda e repetir o processo para que as rodas restantes sejam balanceadas também.

É importante notar que rodas desequilibradas podem não ser a única causa para o tremor ou vibração sentida em seu carro durante a condução. Rodas dobradas e um desgaste desigual dos pneus também podem causar um deslocamento irregular e, para esses problemas, você pode precisar de pneus novos.

Quando for comprar Hb20, verifique no manual do proprietário do seu veículo as recomendações do fabricante quanto ao prazo ou à quilometragem para providenciar os serviços de alinhamento e balanceamento. Ainda assim, tenha em mente que esses reparos podem ser antecipados devido ao tipo de uso do veículo.

 

Geralmente, a quilometragem indicada varia entre 5 e 10 mil quilômetros. Contudo, uma avaria causada por uma batida mais forte em um buraco pode antecipar a ida ao mecânico.

Além disso, se o motorista observar os sintomas que já citamos anteriormente ou se notar desgaste irregular na banda de rodagem (parte do pneu que toca o solo), é recomendável levar o veículo a uma oficina para uma inspeção e, se necessário, o devido conserto.

 

Atenção com as rodas

Para ajudá-lo a proteger as suas rodas desde o primeiro instante em que for comprar Hb20 novo para você, aqui estão as nossas orientações sobre a melhor forma de fazer isso e garantir a preservação da aparência e do desempenho delas durante muitos anos.

 

  1. Nunca lave as rodas quando estiverem quentes. Isso pode causar deterioração do acabamento, juntamente com possíveis danos aos rotores e tambores de freio.
  2. Sempre limpe uma roda de cada vez e enxague e seque bem após a lavagem para evitar o acúmulo de sabão ou de água, o que pode causar manchas em sua roda e até o entorpecimento do acabamento ao longo do tempo.

 

O perigo dos pneus carecas

Pneus carecas aumentam o risco de um acidente, especialmente com o mau tempo. E a verdade assustadora é que mais de 1 em cada 10 veículos na estrada tem pelo menos um pneu careca.

 

Mas… o que é um pneu careca?

 

A parte de um pneu que entra em contato com a estrada é chamada de piso, e esse piso se desgasta com o tempo. Quando o piso de um pneu está completamente gasto, você tem um pneu careca. Se esse for o caso, você precisará de novos pneus imediatamente, já que a sua condução não estará mais segura.

De forma prática e exata, para saber quando um pneu está realmente careca, basta saber que o pneu já vem de fábrica com um dispositivo que indica o momento de substituí-lo: é o chamado TWI, iniciais em inglês de indicador do desgaste do sulco (Tread Wear Indicator).

 

É fácil encontrá-lo: basta reparar com cuidado em algum lugar da banda de rodagem, enfileirados no fundo de todos os sulcos. É como se fosse um pequeno “biscoitinho” de borracha no fundo de cada um, com altura de 1,6 mm.

Como ele indica que o pneu chegou ao final? A banda vai se desgastando e perdendo profundidade, até que ela se nivela com o TWI, ficando exatamente na mesma altura (1,6mm).

 

E… por que pneus carecas são perigosos?

 

Quando chove, as ranhuras de um pneu bom ajudam a canalizar a água para que o pneu possa manter contato com a estrada. Isso ajuda a reduzir as chances de aquaplanagem.

Mas as ranhuras em um pneu desgastado são muito rasas para efetivamente evacuar a água que entra debaixo do pneu. Ou seja, dirigir o seu carro com pneus carecas na chuva pode resultar em muitas situações perigosas, que vão desde a dificuldade em parar até uma perda completa do controle do veículo.

 

Dirigir em estradas secas com pneus carecas também é arriscado, uma vez que esse tipo de pneu está mais propenso a falhas e pode ser mais facilmente perfurado. Não é difícil ver por que um pneu careca é literalmente mais fino do que um pneu novo, por isso é mais fácil para um prego ou outro objeto causar um pneu furado.

Pneus desgastados podem tornar qualquer condução perigosa. Se você está se perguntando quando trocar os pneus carecas, é uma boa ideia se livrar logo deles, antes que contribuam para uma colisão.

 

Compartilhe o post nas redes sociais e colabore com um trânsito mais seguro!

Gostou do artigo? Deixe seu comentário ou sugestão abaixo:

Veja também